Estudando uma nova língua depois dos 50 anos

Muitas pessoas que já passaram dos 50 anos vivem se questionando se vale a pena começar a aprender outras línguas na atual fase da vida. Muitos ainda não se deram conta que aprender novas línguas não se trata apenas de uma necessidade profissional, mas de crescimento pessoal, cultural, ampliação dos horizontes, uma nova atividade cerebral e até mesmo de crescimento profissional ou inclusão no competitivo mercado de trabalho dominado principalmente por profissionais jovens e muito bem treinados.

Através de Cursos de Idiomas Particulares, qualquer pessoa acima dos 50 anos poderá perfeitamente optar pelos idiomas que desejar, para quaisquer finalidades e pelo tempo de formação que quiser. Cursos rápidos e eficientes, muitos programas de ensino de línguas são estruturados para que alunos cujas idades avançadas não se tornem um entrave em seus aprendizados.

Oportunidades profissionais são destinadas àqueles profissionais que estejam muito bem preparados em suas áreas de atuação e conhecimento, assim como que falem pelo menos uma ou duas línguas diferentes de sua língua nativa. Esses profissionais que falam mais de um idioma são muito valorizados no mundo globalizado de hoje, sejam de quais idades forem. Estudar idiomas é atributo de quem não estagnou na vida, que não andou para trás, que quis se esforçar para manter a sua empregabilidade e inclusão social no ambiente em que vive.

Não tem o menor sentido uma pessoa acima dos 50 anos afirmar que já está velha demais para novos aprendizados ou desafios. Nossa mente não envelhece, pelo contrário, ela precisa de novas atividades para que a mesma não caduque. Pessoas acima dos 50 podem falar outras línguas tão bem quanto os jovens, principalmente se essas pessoas procurarem um Curso de Línguas em Grupo, isso mesmo, formar grupos de amigos, de vizinhos, de colegas, etc para estudarem em grupo os idiomas que desejarem.

Eu estudo idiomas até hoje e pretendo estar falando fluentemente umas cinco línguas até os últimos dias da minha vida. Eu não quero estagnar, eu não quero envelhecer, por isso invisto o meu precioso tempo no aprendizado de novas línguas. Pretendo ainda conhecer muitos países onde ainda não estive e desejo fazer novas amizades com pessoas de outros países. Desejo enfim, ser um cidadão do mundo, totalmente integrado e antenado com tudo o que acontece neste planeta!    

Senac abre inscrições para curso de Inglês para Melhor Idade

Cada vez mais ativos e em busca de conhecimento, o público da Melhor Idade terá a oportunidade de também ter o conhecimento de um segundo idioma por meio de um curso desenvolvido especialmente para ele. Trata-se do curso de Inglês para a Melhor Idade do Senac Alagoas. “Durante as aulas vamos focar nas necessidades específicas desse público, com aulas mais compassadas e prazerosas”, explica Suzana Egito, responsável técnica pela área de Idiomas do Senac Alagoas.

O curso, voltado para pessoas acima de 40 anos, tem carga horária de 50 horas, dentro das quais os alunos desenvolverão as quatro habilidades comunicativas (ler, escrever, ouvir e falar) nos contextos de apresentações e cumprimentos, situações do cotidiano, expressão de gostos e preferências, localizações, entre outros. As inscrições já estão abertas. As aulas serão realizadas na Unidade Centenário, no período de 14 de agosto a 6 de novembro, com aulas às terças e quintas-feiras, das 8h às 10h. Vagas limitadas.

Mais informações: 0800 082 2005 e Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . Acompanhe também o Senac Alagoas nas Redes Sociais e fique por dentro das novidades: facebook.com/ senacalagoas e twitter.com/senacal.