Atenção, abrir em uma nova janela. PDFImprimir

Cameron: Quem não aprender inglês poderá ser mandado embora

Eu vi esta matéria e achei muito interessante para ser postada aqui no site. O governo britânico deu um prazo de 2,5 anos (two-an-a-half years) para que os imigrantes com visto de cônjuge (spousal visa) falem inglês. O grande alvo são as mulheres muçulmanas (Muslim women), pois muitos maridos não permitem que elas estudem.

david cameron

Os migrantes que não passarem nos testes de domínio da língua inglesa, depois de estarem há dois anos e meio no Reino Unido com visto de cônjuge, podem ser forçados a abandonar o país. A proposta foi nesta segunda-feira, 18 de Janeiro, anunciada pelo primeiro-ministro David Cameron, no âmbito de um pacote de medidas, orçado em 20 milhões de libras (cerca de 26 milhões de euros) destinado a incentivar uma maior integração, sobretudo das mulheres muçulmanas.

Em entrevista à rádio BBC, onde apresentou as grandes linhas das propostas do governo, Cameron foi diretamente questionado sobre se uma mulher muçulmana que tenha entrado no Reino Unido com um visto de cônjuge, tenha tido filhos mas não tenha aprendido a língua poderia continua a obter autorização permanente de residência, ao que o primeiro-ministro respondeu: na falta de domínio do inglês essa garantia automática de permissão de residência deixará de existir.

Leia mais em: JornalDeNegocios.PT

Adicionar comentário

Este texto te ajudou em alguma coisa? Quer contribuir com mais informações? Tem algum erro e quer sinalizar? Então escreva no formulário abaixo.

foto do autor

Graduado em Informática com Ênfase em Gestão de Negócios na FATEC/ZL e não em Letras também (que pena!).

Amante da Língua Inglesa e Interessado em entrar na Jerusalém Celestial e ver um mundo com Tradução Automática.


Código de segurança
Atualizar

Nós temos 36 visitantes online